Ao mesmo tempo que as séries de língua inglesa viajam pelo mundo através de serviços de streaming como a Netflix ou a Amazon Prime Video, as televisões europeias associam-se a produtoras canadianas para ‘combater’ os “gigantes americanos”.

Mirage é uma série dividida em seis partes – sendo que o orçamento por episódio rondou os 3 milhões de dólares – que conta a história de Gabriel (Clive Standen), um especialista em segurança com um segredo explosivo, e Claire (Marie-Josee Croze), uma mulher expatriada em Abu Dhabi com o seu filho e marido, Lukas (Hannes Jaenicke), que é rapidamente atirada para o mundo da espionagem quando descobre que o seu primeiro marido, Gabriel, que supostamente morreu no tsunami de 2004, está vivo.

O drama deve estrear no final deste ano, sendo que a plataforma Cineflix tem os direitos de transmissão global da série. No Canadá, na França e na Alemanha, a emissão será assegurada, respetivamente, pelo Super Channel, France 2 e ZDF.