E cá estou eu na minha estreia na Reviews às Cegas, com Jane The Virgin!l! Para quem ainda não sabe, o desafio a que nos propomos nesta rubrica é simples: Ver o episódio mais recente de uma série que nunca vimos antes e sobre a qual pouco ou nada sabemos e relatar as nossas descobertas/reações ao longo do episódio.

Só digo isto: mas que novela Mexicana é esta série! Fiquei deveras confusa com tanta informação.

No inicio do episódio houve um pequeno briefing sobre o que aconteceu em episódios anteriores portanto cá vai aquilo que eu consegui perceber: Jane engravidou através de inseminação artificial (depois de todo o episódio fiquei sem perceber quem é o pai), namorou com um policia, Michael, mas entretanto terminou a relação com ele para namorar com Rafael, dono de um hotel (onde ela trabalha?). Pelo que percebi também do tal briefing, a mãe de Jane, Xiomara, criou a filha sozinha mas, agora está com Rogélio, pai de Jane. No meio disto tudo ainda há a confusão dos gémeos Zazo. Parece que um deles foi assassinado e agora a namorada do que supostamente sobreviveu desconfia que afinal ele não sobreviveu e o irmão gémeo se está a fazer passar por ele. Pero que telenovela! No meio disto tudo ainda se fala da Andie, uma grande amiga da Jane, mas que sem ela saber lhe quer ficar com o ex namorado Michael! Ex namorado esse que está a investigar a morte do gémeo Zazo porque acha que Petra, a namorada do dito gémeo está em perigo de vida se se tratar do irmão errado!

Bem, passando agora ao episódio desta semana: Jane está com dúvidas em relação ao seu namoro com Rafael porque acha que ele não passa tempo com ela e que ela vai acabar por criar o filho sozinha (quer então isto dizer que ele é que é o pai da criança?). Ela está sempre a desculpá-lo porque acha que é o melhor que tem a fazer. Claro que isso acaba mal. No fim, Rafael recebe a visita da mãe que nunca conheceu (parece que o pai dele pagou à mãe para ela desaparecer e nunca procurar o filho!) e fica extremamente desiludido por perceber o porquê de ter crescido sem mãe. Acaba por descarregar em Jane e termina a relação. Ela fica totalmente destroçada, ou não terá ficado? Sim, sim, as imagens mostraram exatamente isso, mas com tanto encontro com o ex-namorado e tanto ressentimento por ele estar a seguir em frente, parece-me mesmo que ainda não está ultrapassado!

jane

Ai que confusão vai na minha cabeça, nem sei bem por onde continuar agora! Ah sim, Xiomara, a mãe de Jane. Ela e o Rogelio, o pai de Jane, estão de novo juntos, mas parece que há um impedimento qualquer para eles serem totalmente felizes, parece que ele não consegue dizer que a ama porque ela não se dá com a mãe dele! Oh não uma sogra, e ainda por cima uma sogra latina! A Mrs de La Vega chega e a matar! Ela já odiava a Xiomara por causa de um acidente passado que envolvia o seu gato, mas a verdadeira razão pela qual ela a odeia é mesmo porque acha que Xiomara escondeu a gravidez do seu filho. Claro que isto é todo um drama Mexicano e afinal quem nunca contou à mãe que ia ser pai foi mesmo Rogelio. Parece que não queria desiludir a mãe e tinha vergonha de lhe contar que pediu a Xiomara para abortar. Claro que nem esta nova informação demoveu a Señora de La Vega de odiar a mãe da sua neta. Foi muito direta e disse-lhes que aquela união nunca iria funcionar e que ela era demasiado velha para lhe dar mais netos e que o melhor seria separarem-se já. Rogelio como medricas que é, deixou a mãe com a sua e Xiomara acabou por sair e fazer asneiras com o seu ex-namorado. Dios Mio!
Rogelio acabou por fazer a coisa certa, mandou a sua mãe embora! Xiomara regressa para terem uma conversa e acaba por lhe esconder que beijou o ex-namorado. Claro que como tipico drama Mexicano isto vai acabar por voltar para se virar contra ela.

Ah, esqueci-me de referir uma coisa importante: este episódio passa-se durante a Páscoa, que é uma altura muito especial e importante para os Villanueva (família da Jane). Pelo que percebi têm toda uma tradição, toda ela muito religiosa. Que me parece é a total culpada pela falta de vontade de ter confrontos que Jane tem. Bem, devido à Páscoa fiquei a conhecer a Alba Villanueva, avó de Jane, mãe de Xiomara, mulher que ajudou a criar a Jane. Não há muito para dizer sobre ela: é a tradicional latina, só fala espanhol, é extremamente religiosa e de momento está interessada num homem que não lhe liga nenhuma! Ela finalmente ganha coragem para o convidar a sair, e ele aceita. Mas como drama Mexicano, não pode ficar por ai, afinal, o senhor é PADRE!!!!! tantantantan!!!!!!

alba

E para terminar (não liguem à minha ordem, não segui o raciocínio do episódio), a Petra sai para jantar com o gémeo falso e este acaba por enganá-la levando-a a jantar a outro sitio que não o hotel. Afinal ele já tinha percebido que ela sabia de tudo e que se estava a comunicar com Michael, o policia. Já este ficou em pânico por ter finalmente percebido que se tratava mesmo do irmão errado. E agora, o que é que vai acontecer a Petra?(se é que é esse o nome dela, admito que no meio de tanto nome posso estar errada!)

Bem, posso dizer que até gostei deste episódio e que vou mesmo considerar ver a série. Gosto da forma como o narrador faz tudo parecer com muito mais suspence e que as músicas escolhidas ajudam a isso. Gosto do facto de ser uma história no centro da comunidade latina. Dá mais piada à coisa. Claro que, os atores são bons e isso também ajuda.

Diverti-me muito a fazer esta Review às Cegas, espero que também se divirtam muito a lê-la!

Ana Rodrigues