A Netflix tem muitas qualidades e não há dúvida que veio revolucionar a forma como vemos televisão. Contudo, nem tudo é perfeito e o serviço de streaming ainda apresenta alguns defeitos, em particular na dinâmica do menu. Não devo ser a única a achar que o menu da Netflix é um bocado (ou muito) complicado para encontrar séries para ver. Chego a pensar que a Netflix não quer que encontre certas séries e fico sempre com a sensação de que existem favoritismos por alguns títulos.

Esta semana, foi anunciada uma nova funcionalidade na plataforma que até pode ser engraçada, mas pergunto-me se não irá continuar a ser tendenciosa para certos tipos de títulos. O Top 10 já chegou à plataforma da Netflix, apresentando os dez títulos mais populares do momento, exclusivos para cada país. O Top 10 será atualizado diariamente e aparece em três versões: uma geral, na página inicial; e duas específicas que podem ser vistas nas grelhas dos separadores “Séries” e “Filmes”. Este é um grande passo para a Netflix, que costuma ser bastante privada no que diz respeito a números de visualizações dos seus conteúdos. No entanto, temo que esta nova funcionalidade seja mais uma forma de privilegiar as séries populares, deixando as séries menos conhecidas nos confins das buscas da plataforma. Já para não falar que logo no primeiro dia comecei a revirar os olhos ao ver no Top 10 um reality show de casamentos.

Muito mais funcional que o Top 10 encontra-se uma segunda funcionalidade anunciada este mês, que permite remover trailers automáticos. Navegar no menu da Netflix torna-se ainda mais complicado quando de cada vez que se passa o cursor numa série somos bombardeados com a reprodução do trailer automaticamente. Agora, existe uma forma de cancelar este inconveniente. Basta clicar em “Conta”, depois em “O meu perfil” e por fim em “Definições de reprodução” e cancelar o visto na “Reprodução automática das antevisões durante a navegação em todos os dispositivos”.

Caso ainda desconheças, é sempre bom relembrar outra dica que faz com que a utilização da Netflix seja menos stressante para todos. Seguindo os mesmos passos da opção acima, também é possível remover o episódio seguinte automático, para impedir que o genérico final do episódio seja cortado e que comece o episódio seguinte automaticamente. Infelizmente, ainda não existe uma opção para que isto não aconteça no final da série, onde o genérico é cortado em prol de outra série que a Netflix acha que queremos muito ver. Talvez no futuro?

Por fim, não podia deixar de referir a minha funcionalidade favorita, a de remover títulos do “Continuar a ver”. Quem nunca começou a ver uma série e desistiu a meio da temporada ou ao fim de 15 minutos quando a série é mesmo má? Depois temos que levar com a Netflix a lembrar-nos sempre que não vimos a série até ao fim. Ora, indo a “Conta”, depois em “O meu perfil” e por fim em “Atividade de visualização“, aparece uma lista cronológica de tudo o que já vimos na Netflix. Basta clicar no símbolo à direita de “Comunicar um problema” para eliminar o episódio ou filme da lista, sendo que no caso do episódio ainda dá a hipótese de eliminar logo a série completa, caso existam mais episódios na lista.

E tu, tens hacks para uma navegação mais tranquila na Netflix?

Ana Velosa