Esta edição da rubrica Atores de Primeira à Segunda-Feira é dedicada ao ator Adam Scott, uma presença frequente tanto no universo televisivo, como no mundo do cinema.

Adam Paul Scott nasceu a 3 de abril de 1973, em Santa Cruz, na Califórnia, EUA, onde cresceu com os pais, ambos professores, e com os irmãos, Shannon e David.

Em Los Angeles, ainda na Califórnia, Adam estudou na American Academy of Dramatic Arts, tendo concluído os estudos em 1993.

Scott é casado, desde 2005, com a produtora Naomi Scott, com quem tem dois filhos.

adam-scott-family

O percurso de Scott na representação teve início na televisão, com uma participação no episódio piloto da série Dead at 21, em 1994. No mesmo ano, o jovem ator participou no filme Cityscrapes: Los Angeles.

Entre pequenas participações, tanto na televisão como no cinema, o rosto de Adam Scott tornou-se rapidamente familiar do público americano, ao longo dos anos ’90. Entre 1994 e 1995, Scott teve participações mais longas na série familiar Boy Meets World e, em 1995, na série dramática Murder One.

Já no final da década e já com alguns filmes e mais algumas curtas aparições no currículo, Scott participou nas séries Party of Five (1998-1999) e Wasteland (1999).

Ao longo da primeira década deste milénio, a carreira de Scott manteve-se num percurso ascendente, sempre uma figura presente tanto na televisão como no cinema. Desta época, destacam-se a participação na série Tell Me You Love Me (2007), que acompanha as sessões de terapia de três casais que partilham a mesma terapeuta, e o filme The Vicious Kind, que protagonizou.

Com alguns dramas pelo meio, as escolhas de Scott prendem-se sobretudo com trabalhos cómicos, tendo participado ainda nos filmes The Great Buck Howard (2008), Step Brothers (2008), Lovely, Still (2008) e Leap Year (2010), entre outros.

A série Party Down (2009-2010), que protagonizou, é outro marco importante na carreira de Scott, nomeadamente no campo televisivo. A comédia, que conta ainda com Lizzy Caplan e Ryan Hansen, segue um grupo de aspirantes a atores que, enquanto não conseguem o seu momento na ribalta, trabalham em catering.

E entre 2010 e 2015, surge um dos trabalhos pelos quais o ator é mais conhecido: a interpretação de Ben Wyatt, em Parks and Recreation.

Voltando um bocadinho aos filmes, podem encontrar o ator nas comédias Friends with Kids (2011), Our Idiot Brother (2011), Bachelorette (2012), The Overnight (2015), My Blind Brother (2016), Little Evil (2017) e não só!

Outros projetos televisivos que contam com Adam Scott são Burning Love (2012-2013), uma paródia dos programas televisivos que visam ajudar a encontrar o amor, e a série que criou com a esposa, Naomi, intitulada The Greatest Event in Television History, que consiste na reinterpretação de inícios de séries épicos.

Nos últimos anos, entre pequenas participações em The Good Place (2016-2017) e Veep (2017), os fãs do ator podem vê-lo na série dramática Big Little Lies (2017), que conta com Shailene Woodley, Reese Witherspoon e Nicole Kidman no elenco principal, e na série de comédia Wet Hot American Summer: Ten Years Later (2017).

The Disaster Artist é outro projeto de destaque onde podemos encontrar o ator este ano, desta vez no universo do cinema.

E entre séries, curtas-metragens, filmes e filmes televisivos, a carreira de Scott evoluiu amplamente, por forma a encaixar outras tarefas para além da representação. Primeiro, na área da produção executiva, que iniciou com o filme  de 2009, Passenger Side. Já em 2011 estreou-se na escrita e na realização com a curta-metragem The First A.D.

Num percurso já tão extenso e tão diversificado como o deste comediante não podiam deixar de existir prémios e nomeações para tomar nota. Das 11 nomeações que recebeu, Scott saiu vencedor por duas vezes, com a sua prestação no filme de 2009, The Vicious Kind; no Strasbourg International Film Festival venceu na categoria de Melhor Ator e no Sidewalk Film Festival recebeu o prémio de Melhor Performance.

Finalmente, o mais recente projeto de Scott prende-se com a série Ghosted, uma comédia de horror onde interpreta o cientista Max Jennifer.

adam-scott-ghosted

E assim terminamos mais uma edição desta rubrica, dedicada ao ator Adam Scott. Esperamos que tenham gostado, até porque para a semana há mais!