Classificação

7.5
Interpretação,
7
Argumento
6.2
Realização
6
Banda Sonora

Sabem aquelas piadas que são tão ofensivas e más que quase que temos de pedir desculpa por rir?

Bom, “I’m Sorry” é uma série que vive muito desse tipo de piadas. Esta nova comédia tem como protagonista uma mulher casada e mãe de uma criança. Ela é escritora de comédia e, por isso, passa a vida a fazer piadas e a falar com um tom humorístico, o que por vezes a leva a situações caricatas.

Neste primeiro episódio, Andrea arranja várias confusões: desde irritar um grupo de pessoas mais velhas no ioga porque queria ligar o ar condicionado; irrita uma senhora por dizer palavrões e ainda passa o episódio a receber chamadas da médica a um sábado, coisa que não é normal, levando toda a gente a achar que está doente.

Mas o ponto mais alto do episódio é mesmo na festa de aniversário da filha de uma das amigas de Andrea. Tudo parece normal não fosse Andrea e o marido terem descoberto que uma das suas amigas, que também estava presente na festa, fora em tempos atriz pornográfica. O chamado gossip começa a espalhar-se, o que leva Andrea a arcar com as culpas.

Esta série não traz muito de novo, mas arranca umas boas gargalhadas. Avaliar uma comédia, tal como fazer comédia, é um tiro no escuro, pois nunca sabemos como será a reação das pessoas. O que para mim pode ser engraçado, para outra pessoa pode não ser. Por isso, tal como faço sempre que me calha avaliar uma comédia, sugiro a visualização do episódio de modo a que cada pessoa possa perceber se é o seu tipo de comédia ou não. Pelo menos, “I’m Sorry” justifica essa avaliação.

Carlos Real