Mais uma estreia no canal FOX e desta vez vamos falar sobre Gracepoint. Este é um remake americano da série inglesa Broadchurch. A história centra-se na descoberta do assassino de um menino que aparece misteriosamente morto na praia da localidade.

Tudo começa com uma imagem dele no topo de uma das colinas da praia e vemos que está sangrar pela mão direita. Só volta a parecer já cadáver na praia, quando a polícia o descobre.

Para a família Solano é apenas mais um dia como qualquer outro. Eles de fato notam a ausência de Danny de manhã, mas todos pensam que ele saiu mais cedo para ir registar o movimento dos animais marinhos que por ali passam. Mas a sua mãe, Beth Solano, começa a ficar preocupada quando ninguém ainda tinha visto o seu filho.

O seu coração passa para mil quando ela sabe que a polícia havia encontrado um corpo na praia. O seu maior receio acaba mesmo por se confirmar quando ela reconhece as sapatilhas que estavam no corpo deitado na praia.

Os detetives encarregues do caso são Ellie Miller, residente naquela localidade, e Emmett Carver, o novo chefe da anterior e que vem com uma vasta experiência neste tipo de casos. O pai do Danny, Mark Sonlano, só acredita verdadeiramente quando Ellie o leva a ver o corpo do seu filho.

A imprensa não podia faltar no meia desta história, com o sobrinho de Ellie, do jornal local, a publicar em primeira mão na internet quem havia sido encontrado morto na praia. Tal acontecimento leva Carver ao desespero depois de ele ter pedido descrição a todos os envolvidos na investigação.

De São Francisco chega outra jornalista, que parece já conhecer o passado de Carver. Esta jornalista é um mistério, primeiro por ter escolhido este preciso caso para acompanhar e também por que razão ela foi pegar no peluche que a irmã do Danny deixou na praia?

Outro acontecimento que me intrigou foi o filho de Ellie, Tom, ter apagado todas as mensagens de telemóvel que trocou com o Danny e todo o conteúdo do seu computador. Será que ele sabe de alguma coisa que possa ter influência na resolução do caso?

A investigação começa a desenvolver-se e eles descobrem, através de uma câmara de vigilância, que Danny saiu de casa por vontade própria, levando a crer que o assassino seja alguém que ele conhecia.

Tal acontecimento é uma novidade ali, já que se trata de uma localidade com uma das mais baixas taxas de criminalidade do país. Como tal, toda a população está bem atenta à conferência de imprensa que Carver dá na escola, onde ele deixa bem claro que não irá descansar até encontrar o responsável pelo crime.

Este é piloto muito bem conseguido, carregado de uma enorme carga emocional, tal como é de esperar para o resto da temporada. Os produtores prometem uma resolução diferente da original, mas mesmo assim aconselho quem ainda não conhecem a história a acompanhar. Quanto a mim irei apenas dar uma espreitadela na season finale, uma vez que eu já conheço a história.

Nota: 8/10

Carlos Oliveira