01x09 - Pimento

01×09 – Pimento

Estamos de volta à vida do advogado mais vigarista de todo o sempre, Jimmy McGill. Agora que a sua carreira profissional está à beira do sucesso, Jimmy precisa de mais mão-de-obra para resolver o caso de fraude do lar Sandpiper Crossing. Chuck, numa tentativa de vencer o caso, sugere a Jimmy entregar o caso à HHM, empresa para onde trabalha e pela qual Jimmy tem um ódio de estimação. É óbvio que Jimmy não vê isto com bons olhos, mas em contrapartida pensa nas vantagens de uma boa quantia de dinheiro ir parar ao seu bolso ou de poder trabalhar na conceituada empresa. Mike está de volta também e parece ter uma entrevista para um novo emprego, mais um daqueles empregos manhosos com bons ordenados e muito secretismo como já estamos habituados de Breaking Bad. Mike deixa uma boa impressão na recruta e aceita o trabalho de segurança numa troca ilegal de comprimidos. Nesta troca vejam lá quem aparece, Nacho Varga, com quem Jimmy tinha tido uns problemazinhos anteriormente.

Embora o regresso de Nacho seja curto e sem grandes emoções, espera-se um desenvolvimento da personagem em breve, pelo que Michael Mando, já conhecido de Orphan Black, pertence ao elenco principal. Mas Better Call Saul continua a estudar as suas maravilhosas e complexas personagens principais que mais do que carismáticas são imprescindíveis para a consistência da narrativa. Todos nós, que gostamos de séries, sabemos que cada um dos envolvidos numa epopeia televisiva tem um passado amargurado e o de Jimmy não é exceção, dado que a relação com o seu irmão Chuck não é propriamente a ideal; o mesmo acontece com Mike que, sabemos querer deixar a vida criminosa, mas que é nisso que ele é realmente bom. (O diálogo que ele tem num carro com um novo dealer é simplesmente genial, realçando o contraste entre um amador e um profissional do crime.)

O argumento em “Pimento” mostra com seriedade o que é viver às escondidas da lei e arrasta o espectador para esse universo, afastando-se dos tons humorísticos que estamos habituados na personagem de Saul Goodman, focando-se nas desavenças familiares no que toca a questões de interesses profissionais. Estou impaciente para o final da temporada que, certamente irá ser um episódio repleto de emoções.

Nota: 8.5/10

Jorge Lestre