04x03 - Like Father, Like Daughter

04×03 – Like Father, Like Daughter

Contém Spoilers.

Depois de um inicio de temporada tão pouco “Shameless”, a coisa agora começa a compôr-se, finalmente!

Ver uma Fiona certinha, como uma relação que não a satisfaz minimamente, um emprego certo e a usar aquele fato enfadonho já era cansativo. Agora, uma Fiona que já que tem que usar um fato chato e manter um emprego, então ao menos que viva no limite e “coma” o irmão do namorado enquanto ele está desmaiado de bebedo na casa de banho. Assim, sim. Temos Gallagher!

Como sabem, o Frank está gravemente doente como uma insuficiência hepática e precisa realmente de um figado para sobreviver e então decidiu recorrer à sua filha mais velha,  que ninguém sabia que existia. Pequeno problema que ele não antecipou? Ela é extremamente parecida com ele e parece mesmo que se está a apaixonar! (ela não sabe que ele é pai dela)

E o Ian? O que é que é feito dele? Afinal vai ou não voltar? Sinceramente faz falta na casa dos Gallagher. Sem o Lip lá porque está na Universidade, a casa precisava mesmo do Ian.Já para não falar como é desperante ver o Mickey a chorar pelos cantos.

E falando do Lip, realmente a vida na universidade não está a ser tão fácil como ele pensava. Trabalhar e estudar não é fácil e falta-lhe tempo para conseguir estudar. Estou realmente curiosa para ver o rumo que vão dar ao Lip e o destino que o espera. Estou para ver se esse destino ainda vai passar pela Mandy.

E a Debbie? Agora é muito mais rebelde. Tem um namorado muito mais velho e deixa-se influencia pelo que as “amigas” lhe dizem. Será assim por muito mais tempo? E o Carl? O seu novo esquema foi sequestrar cães para depois conseguir uma recompensa e comprar droga ao Frank. Mas, teve azar e ninguém reclamou os cães.

Estou ansiosa pelo próximo episódio e para ver onde isto vai parar e como vão ser os desenvolvimentos. A série continua com uma qualidade muito boa que atravé do seu humor meio negro me continua a tirar muitas gargalhadas. Espero sinceramente que a qualidade se mantenha ou até suba.

Nota: 8,5/10

Ana Rodrigues