A Amazon encomendou duas novas séries francesas para o seu catálogo: Voltaire, Mixte e Operations Totemsambas com oito episódios.

Voltaire, Mixte passa-se numa escola secundária que era só para rapazes, mas que, pela primeira vez, recebe mulheres nas suas instalações. Passada nos anos 60, em França, a série irá debruçar-se sobre as relações e “tempestades hormonais” da época. Vai abordar tópicos como o amor, a emancipação, a sexualidade e a autoaceitação.

A série já está em pré-produção e será lançada em 2021.

A outra série anunciada, Operations Totems, é uma história de amor entre dois espiões inimigos. De Berlim Leste a Paris, do Norte de África à URSS, este thriller de ação passa-se em 1964, durante a Guerra Fria. A série segue Francis Morizet, um agente secreto que se dirige para o terreno pela primeira vez e se depara com Lyudmila, uma nova operacional do KGB. No meio de operações de informações secretas ilegais continuadas entre o SDECE (os serviços de inteligência franceses externos) e a CIA, os dois vão lutar pelos respetivos países e contra o amor que sentem um pelo outro.

A série começará a ser filmada em 2020 e será lançada também em 2021.

Em novidades de elenco, The Wilds recebe sete novos nomes: Rachel Griffiths (Six Feet Under), David Sullivan (Sharp Objects), Troy Winbush (Medical Investigation), Sophia Ali (Grey’s Anatomy)Sarah Pidgeon (Gotham), Jenna Clause (The Furies Inside Me) e Erana James (Golden Boy).

Um drama de sobrevivência por um lado, uma festa do pijama distópica por outro, The Wilds segue um grupo de adolescentes de origens completamente diferentes que, depois de um acidente de avião, ficam presas numa ilha deserta. The Wilds oferece um retrato vívido da época em que vivemos, funcionando como uma metáfora para os dias de hoje.

Griffiths irá ser Gretchen Klein, uma intelectual ambiciosa que gere um retiro de empoderamento feminino.

Sullivan será o Dr. Daniel Faber, um especialista em traumas do FBI. É um especialista a deixar os entrevistados tranquilos e a extrair informações valiosas aos mesmos.

Winbush irá dar vida a Dean Young, um agente do FBI que um profissional estoico e autoritário – mas que não deixa de ser generoso – e um investigador experiente.

Ali irá interpretar Fatin Jadmani, uma “rapariga orgulhosamente promíscua” com uma ousada noção de moda. Quando não trabalha tanto como os outros do grupo, é confundida com uma preguiçosa inútil, mas se soubessem o passado dela perceberiam que não podiam estar mais longe da verdade.

Pidgeon irá encarnar Leah Rilke. Com uma maturidade acima da sua idade, criativa e sonhadora, com uma mente demasiado ativa, Leah é uma pessoa solitária que prefere ler, escrever e observar o mundo em redor. Leah cria uma ligação inesperada com uma autor famoso vinte anos mais velho e uma relação arriscada desenvolve-se entre os dois.

Clause será Martha Blackburn. Uma amante dos animais tímida com um grande coração e uma autoestima frágil, na ilha, Martha irá enfrentar desafios que a irão obrigar a sair da sua concha.

James será Toni Shalifoe. Uma maria-rapaz com problemas de fúria, Toni sente que todos estão ali para a tramar, uma vez que quase toda a gente na vida dela o faz. Apesar do seu comportamento agressivo, Toni tem um lado mais meigo e uma grande capacidade para amar, evidenciado pela sua lealdade feroz para com a sua melhor amiga, Martha.