A maré vaza continua a levar-nos séries que prometem regressar em setembro (salvo algumas excepções canceladas) e nós trazemo-vos os resultados dos season finales e dos episódios desta semana que passou.
.

Domingo, 15 de maio

Once Upon a Time despediu-se da 5.ª temporada com um episódio duplo que contou com uma média de 4.1 milhões de espectadores e um rating de 1.2, números que são melhores do que o episódio da semana anterior em cerca de 25% e 33% em cada uma das medidas.

The Family chegou ao fim (3.3 milhões/0.8) e Quantico (3.7 milhões/1.0) ficou a prometer o regresso na Fall Season, ao despedir-se com nota positiva, tendo atingido o seu melhor resultado de audiências desde março.

The Carmichael Show (4.1 milhões/0.8) subiu uma décima, já Crowded (3 milhões/0.7) manteve-se estável, tal como o season finale de Last Man on Earth (2.3 milhões/0.9)
.

2.ª feira, 16 de maio

Depois da notícia do cancelamento, chegou o final finalíssimo de Castle. O último episódio da série, que mesmo cá em Portugal juntou um número alargado de fãs, obteve 7.8 milhões de visualizações e um rating de 1.3, subindo 16% e duas décimas em relação à semana passada e conseguindo os melhores resultados desta temporada que foi a derradeira. Ainda assim, comparando com o final da temporada passada, este episódio teve menos 7% de audiências e menos 1 décima no rating, demonstrando mesmo a decadência que a série sentiu este ano.

Os dois episódios finais de Mike & Molly tiveram, em média, 8 milhões/1.5, perdendo uma décima em relação à dose dupla da semana anterior, mas conseguindo o melhor resultado de audiência da temporada na última meia hora.

The Odd Couple (5.7 milhões/1.3) não sofreu alterações. O mesmo se verificou para Blindspot (5.4 milhões/1.3) e Houdini & Doyle (2.5 milhões/0.6). Reign (820 mil/0.3) e Jane the Virgin (950 mil/0.4) angariaram uma leve décima no demo. Gotham (3.8 milhões/1.3) também subiu. Já Person of Interest (5.3 milhões/0.9) desceu.
.

3.ª feira, 17 de maio

O final de temporada de NCIS, e o último com Michael Weatherly no elenco, foi visto por 17.6 milhões de americanos e somou um rating demográfico de 2.5, subindo consideravelmente em relação ao episódio anterior e em relação ao final da temporada passada.

NCIS: New Orleans (13.2 milhões/1.8) também subiu e o segundo episódio da semana de Person of Interest (7.1 milhões/1.1) subiu em relação à emissão de segunda, mantendo a série estável na perspetiva semanal.

Também estáveis estiveram The Flash (3.4 milhões/1.3), Containment (1.4 milhões/0.5), The Real O’Neals (3.3 milhões/0.9), Chicago Med (7.8 milhões/1.6) e Chicago Fire (7.9 milhões/1.6), com Fire a melhorar uma décima em relação ao final da temporada anterior.

Fresh Off the Boat (4.2 milhões/1.1) subiu duas décimas e a dose dupla de Agents of SHIELD (3.04 milhões/1.0 em média) ganhou uma décima em relação ao episódio da semana anterior, mas baixou 23% se comparado com o final da sua 2.ª temporada.

.
4.ª feira, 18 de maio

Empire terminou a sua segunda temporada com um resultado de 10.8 milhões/4.0, subindo 10 e 8% para valores que já não eram tão elevados há 6 semanas. Como é óbvio, dada a prestação da série este ano, este resultado está muito aquém do conseguido pelo final do fenómeno que foi a sua 1.ª temporada (17.6 milhões/6.9).

Rosewood (4.7 milhões/1.4) também subiu. Heartbeat (3.8 milhões/0.7), Chicago P.D. (6.9 milhões/1.4), Arrow (2.15 milhões/0.8) e Supernatural (1.92 milhões/0.7) não registaram alterações significativas. Na ABC também se manteve tudo constante, tirando The Goldbergs (6.3 milhões/1.8), que perdeu uma décima.

.
5.ª feira, 19 de maio

Chegou ao fim mais uma temporada de Grey’s Anatomy, com 8.2 milhões/2.3, resultado que é o melhor da série desde fevereiro e portanto se traduz numa subida semanal e em relação ao finale da temporada anterior.

The Catch também chegou ao fim, com uma dose dupla que em média obteve 4 milhões/0.8 (menos duas décimas e uns milhares de espectadores que na semana anterior).

The Odd Couple (7.2 milhões/1.5) baixou 16% e uma décima; Mom (8 milhões/1.7) também perdeu uma décima no demo; já a cancelada Rush Hour (4.1 milhões/0.9) não sofreu alterações.

The Blacklist (6.9 milhões/1.3), em relação ao final da sua temporada anterior, desceu 11 e 19% este ano, em audiência e rating, respetivamente.

Legends of Tomorrow (1.85 milhões/0.7) manteve-se estável; The 100 (1.29 milhões/0.5) subiu, tal como Bones (4.3 milhões/0.9).
.

6.ª feira, 20 de maio

Maio acabou de levar, esta semana, todas as séries de sexta-feira, com os finais de temporada de Grimm (4.1 milhões/0.9) e de The Originals (940 mil/0.4), ambas com melhorias em relação aos penúltimos episódios, mas a piorar bastante quando comparadas com os resultados do ano anterior.