Classificação

8
Interpretação
8
Argumento
8.4
Realização
7.6
Banda Sonora

[Contém spoilers]

Kneel before Zod!

Krypton chegou de mansinho e sem grande alarido, não conquistando de imediato, mas encantando o suficiente para irmos seguindo de semana a semana as aventuras da família El e o destino do planeta Krypton. Ao longo da temporada, a qualidade foi visivelmente melhorando com a história a ganhar raízes sólidas e, desta forma, as notícias da renovação para uma 2.ª temporada chegam como um belo presente.

Algo que desde o primeiro episódio da série nos tem espantado é a realização e a exposição do mundo alien de Krypton, com as suas paisagens inóspitas, a aparentemente evoluída Kandor e a célebre Fortaleza. Neste episódio final da temporada também esse aspeto não deixou de impressionar e se, por um lado, a visão da nave de Brainiac sobre Kandor foi de uma magnificência assustadora, o seu dono e vilão também ganhou vida como um verdadeiro terror passível de ser temido.

“The Phantom Zone” apresenta-nos uma conclusão com surpresas inesperadas que dentro de uma “canção” familiar foram afinadas de forma a trazer algo cativante e inovador.

Do cada vez maior leque de personagens, a maioria conseguiu mostrar ramificações que queremos ver a ser exploradas na próxima temporada. Desde Lyta-Zod, que mantendo a sua honra de Zod escolheu o extremismo do seu filho; Dev-Em, que se junta como membro da “associação de braços robóticos”; a nova relação entre Jax-Ur e Nyssa-Vex e a revelação do Vara Protocol, o programa de clones que permite aos kryptonianos serem praticamente imortais nas bandas desenhadas; e a que estará destinado Val-El agora que retornou dos mortos?

Se há defeito a apontar no episódio é o de que foi tanta coisa a acontecer que quase desejamos ser uma esponja para conseguirmos absorver tudo.

São tantas as dúvidas com que ficamos no final que a próxima temporada bem que podia estrear já na próxima semana, embora na verdade ainda tenhamos de esperar até 2019.

  • Terá Davon-Vex sobrevivido?
  • Será Cor-Vex na verdade Jor-El?
  • Adam Strange está numa cidade capturada do planeta Terra? Se sim, como é que isso aconteceu?
  • O que irá o General Zod fazer agora que tem o poder de Kandor? Passará à conquista das outras cidades de Krypton?
  • Com a mudança do símbolo da capa de Superman passará a missão da próxima temporada por garantir que Kandor é mesmo levada por Brainiac?

Entre todos estes mistérios, a iminente luta entre o General Zod e Doomsday e a viagem de Seg-El pela Phantom Zone, não só a 1.ª temporada termina numa nota bastante alta como a segund tem tudo para nos continuar a prender. Sem dúvida que a próxima temporada será uma luta lendária, por isso, até lá, “Fight like El!”.

Classificação final da 1.ª temporada: 7,5

Emanuel Candeias