Classificação

9.5
Interpretação
9.5
Argumento
9.5
Realização
9
Banda Sonora

How To Get Away With Murder nunca deixa de surpreender. Mais uma semana, mais um episódio estilo montanha russa: tivemos momentos mais descontraídos, momentos cómicos, momentos de tensão, momentos felizes e momentos de deixar de boca aberta. Por norma, são este tipo de episódios que se caracterizam como os melhores. Ainda que já tenham havido episódio de topo neste temporada, We Can Find Him coloca-se entre os “bons” e os “muito bons”.

Os flashforwards desta vez apareceram no início e não revelaram grande coisa. Sabemos apenas que Miller estará no casamento, mas isso já era de esperar. A melhor parte é que ele quer casar com ela e isso deixa-me tão contente! Bonnie vai finalmente (ou não) ter a felicidade que merece. Tudo depende do que vai acontecer no casamento e se ela mata mesmo alguém ou não, e quem.

Estou a gostar deste arco com Julie. Acho que foi uma personagem bem introduzida e que adiciona a dose certa de suspense em relação ao filho de Bonnie. Estará mesmo morto ou não? Não me parece que Julie seja o tipo de pessoa que goste de dizer a verdade e, para além disso, aquela teoria sobre Connor continua bastante presente na minha cabeça.No geral do que envolve Bonnie nesta temporada estou a gostar muito. Acho que conseguiram redimi-la e dar-lhe uma história interessante.

Parece que Frank revelou a Laurel a identidade de Gabriel e eu só tenho a dizer que também quero saber! Pela reação dela, a teoria de que Gabriel é filho de Annalise pode ser verdadeira. As cenas com a mãe de Oliver e de Connor foram super engraçadas. Estava curiosa por ver qual seria a sua dinâmica e não fiquei desiludida. Também acharam estranho ver Asher com a mãe de Connor sabendo o que vai acontecer entre os dois? Eww! Já a festa de despedida de solteiro teve a sua graça e gostei bastante dos pormenores das t-shirts: “Coliver 4 Eva”. Ainda se lembravam que Oliver é seropositivo? Tinha-me esquecido completamente!

Keating 4 à parte, Annalise caiu numa grande ratoeira. Via-se à distância que a Governadora só queria lixar AK e conseguiu. Agora, Annalise não pode voltar para a Caplan&Gold e terá de obedecer à nova má da fita. No meio disto tudo quem pagou foi Nate Sr. Coitado, realmente não merecia. Depois de 30 anos atrás das grades, quando ia finalmente receber a sua liberdade é apanhado no meio dum esquema para derrubar Annalise. Contudo, a sua morte traz outro mistério à série para além do assassinato do casamento e isso é uma mais valia. Terá mesmo sido a Governadora a ordenar a morte de Nate Sr.?

Beatriz Caetano