As últimas encomendas da Netflix vão trazer a história de um best-seller e mais uma série do criador de American Horror Story ao pequeno ecrã.

Firefly Lane, será baseada no romance homónimo de Kristin Hannah. A série terá 10 episódios, que se debruçam sobre a amizade de Kate e Tully, duas mulheres que se conhecem enquanto jovens e se tornam melhores amigas inseparáveis durante um percurso de 30 anos, com os seus altos e baixos, sucessos e fracassos. Quando uma traição inimaginável as separa, as duas mulheres seguem caminhos diferentes e fica a incógnita se conseguirão reconciliar-se.

Maggie Friedman (Witches of East End) será guionista e produtora executiva, juntamente com Stephanie Germain, e a autora Kristin Hannah será também co-produtora executiva.

Com esta adaptação a caminho da Netflix, Firefly Lane torna-se no terceiro romance de Hannah a ser adaptado para ecrã, estando as suas obras The Nightingale e The Great Alone ambas a ser produzidas pela TriStar Pictures.

Do acordo criativo assinado entre a Netflix e Ryan Murphy já é conhecido o primeiro fruto. A série Hollywood de Ryan Murphy, co-criada com o seu parceiro de longa data Ian Brennan (Scream Queens, Glee), recebeu luz verde por parte da empresa de streaming, anunciou o mesmo nas redes sociais.

Hollywood será a terceira produção de Murphy na Netflix, mas a primeira a ser produzida em contrato direto com a mesma, após Murphy ter anunciado a sua saída da 20th Century Fox Television e a sua entrada na Netflix com um acordo de cerca de 300 milhões de dólares.

Detalhes sobre o projeto não foram ainda revelados.