Classificação

7.5
Interpretação
7.1
Argumento
7.1
Realização
7.7
Banda Sonora

Atenção: esta review contém spoilers!

“And that, kids, is how I met your mother.” Oops, série errada!

Esta semana, Grey’s Anatomy traz-nos Momma Knows Best, o quarto episódio desta sua 15.ª temporada e primeira parte do crossover entre Grey’s e Station 19. Muito resumidamente, neste episódio Meredith tem o seu primeiro encontro às cegas, Alex toma uma decisão questionável para salvar um paciente e Maggie finalmente partilha o segredo que a tem estado a consumir.

Falemos, então, sobre Meredith. Se leram as reviews anteriores, sabem que não tenho qualquer interesse na sua vida amorosa e que acho mesmo que o foco dos escritores na mesma demonstra que estão a ficar sem ideias para o que fazer com a médica. Apesar de manter essa opinião, estaria a mentir se dissesse que não me diverti um pouco com as cenas entre Meredith e John (interpretado por Josh Radnor, conhecido entre os seriólicos por interpretar Ted Mosby em How I Met Your Mother).

Para ser sincera, fiquei um pouco apreensiva quando foi noticiado que Radnor iria participar na série, por estar tão habituada a ver o ator num género televisivo completamente distinto. Neste aspeto, acabei por ser surpreendida pela positiva. Apesar de, na minha opinião, a personagem de Radnor não ter perfil para permanecer na série durante largos períodos de tempo, não desgostei da sua participação neste episódio. A química entre John e Meredith não era nada de outro mundo, mas as suas cenas não foram de todo enfadonhas e, a certo ponto, quando ambos se aperceberam que estavam num encontro com a pessoa errada, cheguei mesmo a divertir-me. Isto é, até que John disse aquela coisa que estragou por completo o encontro.

Seguindo então para Alex, parece que o médico se está a adaptar à posição de chefe temporário, apesar das suas escolhas questionáveis. Ainda que tenha quebrado o protocolo, Alex volta a mostrar-nos que tem o coração no lugar certo ao ajudar Julius (o seu paciente) a realizar uma cirurgia de que tanto necessitava, mas para a qual não tinha os fundos necessários. Sim, é fraude de seguros. Sim, é algo extremamente condenável. Mas não é a primeira vez que os nossos médicos ignoram as regras para o bem dos seus pacientes e certamente não será a última.

Entretanto, o dilema de Maggie agrava-se quando Natalie, uma senhora com um problema cardíaco, chega ao Grey Sloan com o seu filho, Max. Com o piorar da condição de Natalie, Maggie vê-se forçada a preparar Max para o inevitável. Isto é, até que o pai do rapaz chega e resolve não contar a verdade ao filho. Resumindo e concluindo, tudo isto leva a que Maggie finalmente conte a Meredith a verdade sobre Teddy, o que significa que é apenas uma questão de tempo até que Amelia venha a saber a verdade. Logo agora que está tudo a correr tão bem!

Apesar de não ter odiado o episódio, Grey’s precisa de fazer algo para mudar esta temporada que, até agora, não tem sido muito promissora. Não tenho grandes problemas com episódios para encher chouriços, mas, por favor, não me façam perceber que estão realmente a encher chouriços.

Inês Salvado