Sophie Okonedo (nomeada para um Óscar em Hotel Rwanda), Rebecca Benson (The White Princess), Arinzé Kene (EastEnders), Marc Warren (Hustle) e Rufus Jones (W1A) juntam-se ao elenco de Flack e Genevieve Angelson (Good Girl Revolt) e Lydia Wilson (Requiem) também têm participação confirmada em Flack, o primeiro drama escrito para a Pop TV, centrado no negócio de relações públicas de celebridades protagonizado por Anna Paquin. A produção de seis episódios de uma hora começa esta semana em Londres.

A série, coproduzida por Paquin, a UKTV e a Hat Trick Productions, tem lugar no mundo acelerado e competitivo dos relações públicas das celebridades. Tão hilariante quanto comovente, reflete a realidade brutal e as complexidades da vida moderna em que os problemas se podem tornar virais num instante. Paquin faz o papel de Robyn, uma relações públicas e executiva americana que se encontra a viver em Londres e que deve descobrir como tirar proveito de uma má situação e conseguir, ainda assim, sair ilesa.

Okonedo vai fazer o papel de Caroline, patroa de Robyn e a destemida líder da empresa de relações públicas Mills Paulson. Angelson fará o papel da irmã e confidente de Robyn, Ruth. Wilson irá fazer o papel de Eve, a melhor amiga desbocada de Robyn, sua colega na Mills Paulson e quem representa o lado mais negro na série. Benson vai fazer o papel de Melody, uma rapariga nova na cidade e na agência.

Kene terá o papel do namorado encantador e tolerante de Robyn, Sam, que quer assentar e ter filhos – a última coisa que passa pela cabeça dela. Warren faz o papel de Tom, um ex-dançarino encantador, mas sofrido. Entre ele e Robyn vai haver uma atração. Por fim, Jones encarna o marido confortavelmente antiquado de Ruth, Mark.

A série irá estrear em 2019 no Reino Unido, mas a data de transmissão nos EUA ainda não foi definida.