Continuamos a trazer curiosidades sobre as tuas séries favoritas e desta vez vamos dar a conhecer-te algumas sobre Everybody Loves Raymond:

1. Ray Romano, o protagonista, detestava o nome da série e os produtores fizeram um acordo com ele: se a série chegasse ao Top 10, mudavam o nome. Depois de esse feito ter sido alcançado, Ray não se esqueceu de cobrar a promessa, mas previsivelmente o acordo não foi cumprido. “Bem, agora não o podemos mudar [ao título]. É uma série do Top 10”, foi a resposta.

2. No final do processo de casting, o papel de Debra resumia-se à escolha entre duas atrizes: Jane Sibbett, a Carol de Friends, e Patricia Heaton. A CBS queria escolher Sibbett, mas tanto os produtores como Romano preferiam Heaton e acabou por ser ela a selecionada. Ray chegou a brincar com a questão e disse que a atriz foi escolhida porque tinha sido a única disposta a beijá-lo na boca durante as audições. Quem também chegou a ser considerada para o papel foi, por coincidência, outra cara bem conhecida de Friends, Maggie Wheeler. Apesar de não ter conseguido o papel de maior protagonismo, Wheeler participou em 12 episódios de Everybody Loves Raymond como Linda Gruenfelder, uma amiga de Raymond e Debra.

3. James Gandolfini (The Sopranos) foi considerado para o papel de Robert Barone, o irmão mais velho de Raymond. Tal como Robert, também o verdadeiro irmão de Ray foi polícia em Nova Iorque, mas essa não é a única característica que partilham, havendo pequenos maneirismos do personagem que foram inspirados no irmão do protagonista.

4. Darren McGavin foi um dos atores pensados para o papel de Frank, o patriarca dos Barone. No entanto, o escolhido foi Peter Boyle, depois de fatores externos terem funcionado a seu favor. A caminho da audição, Boyle perdeu-se e não conseguia encontrar o sítio certo, portanto, quando finalmente chegou, estava agitado e com um humor sarcástico, características que se encaixam na perfeição na personalidade mal-humorada de Frank.

5. Os filhos de Raymond e Debra, Ally e os gémeos Geoffrey e Michael, são irmãos na vida real. Os seus nomes são, respetivamente, Madylin, Sawyer e Sullivan Sweeten. No episódio piloto, os gémeos chamavam-se Matthew e Gregory, os nomes dos filhos de Romano, e foram interpretados por Drew e Justin Ferreira. A partir do segundo episódio os nomes foram trocados para aqueles que conhecemos e Sawyer e Sullivan assumiram os seus papéis.

6. Amy MacDougall-Barone, a namorada de Robert que se tornou sua mulher, é interpretada por Monica Horan, a mulher do criador da série, Philip Rosenthal.

7. Heaton esteve grávida duas vezes durante o decorrer da série. Para o disfarçar, os produtores recorreram aos truques habituais, como tempo limitado de ecrã e, quando aparecia, a atriz estava sentada à mesa ou tapada com um cobertor.

8. Ao longo da série, vemos Raymond a referir-se a Debra com recurso a vários nicknames, que eram todos improvisados por Romano. Dependendo da quantidade de takes que eram necessários para filmar uma determinada cena, o ator inventava o número correspondente de nicknames.

Conhecias alguma destas curiosidades de Everybody Loves Raymond ou nem por isso?