A atriz Sandra Oh é o foco da rubrica Atores de Primeira à Segunda-feira desta semana. Por isso, quer sejam já fãs da atriz, quer conheçam pouco da sua carreira, aqui têm alguns dados biográficos, algumas curiosidades e uma vista panorâmica sobre o seu percurso profissional dentro e fora dos nossos ecrãs!

Apesar de ser descendente de pais coreanos, Oh Junsu e Oh Young-nam (que estudaram em Toronto e casaram na Coreia do Sul), Sandra Miju Oh nasceu no Canadá (na cidade de Nepean, em Ontário), a 20 de julho de 1971.

A sua carreira artística começou no ballet e depois continuou no teatro antes de a atriz chegar até nós pelo grande e o pequeno ecrãs. Oh estudou teatro na National Theatre School, em Montréal, tendo depois participado na produção teatral de Oleanna, de David Mamet, em London, Ontário.

sandra-oh

A título de curiosidade, podemos ainda contar-vos que a atriz, que fala quatro línguas fluentemente (inglês, francês, espanhol e coreano), fez parte da equipa vencedora dos The Canadian Improv Games, que têm a ver com teatro de improviso, nos anos 90. A título pessoal, sabemos que Oh, agora divorciada, foi casada com o produtor e realizador Alexander Payne entre 2003 e 2006.

Antes de passarmos para o que mais nos interessa – o percurso de Sandra Oh em televisão e, principalmente, em séries televisivas – não podemos deixar de gastar alguns parágrafos com a sua carreira cinematográfica, que conta já com mais de três dezenas de participações, entre 1994 e 2017.

Na década de ’90, das participações de Oh em cinema destacamos Double Happiness, o romance de 1994 protagonizado pela atriz, a comédia que dispensa apresentações Bean, de 1997, e o filme canadiano de 1998, Last Night.

A década seguinte, com o início deste novo milénio, trouxe ainda mais filmes para a carreira de Oh, dos quais destacamos o canadiano Long Life, Happiness & Prosperity, de 2002; o romance de 2003, Under the Tuscan Sun; o drama Hard Candy, de 2005, e a adaptação cinematográfica da obra de José Saramago, Blindness, de 2008.

E, finalmente, dos últimos anos destacamos Rabbit Hole, de 2010, e Meditation Park, de 2017.

Para além do trabalho em cinema, assim como várias curtas-metragens e trabalhos só de voz, Oh tem também um longo percurso em televisão, que é o que mais nos interessa. No seguimento do que fizemos acima, destacamos o filme televisivo The Diary of Evelyn Lau, de 1994, que a atriz protagonizou.

E, finalmente, chegamos à nossa listagem de séries televisivas que contaram (ou contam) com Oh no elenco!

A atriz começou o seu caminho no universo das séries logo em 1989, com uma pequena participação em Denim Blues. A esta, seguiram-se, nos anos 90, breves participações em E.N.G (1993), If Not for You (1995), Lonesome Dove: The Outlaw Years (1995), Kung Fu: The Legend Continues (1996), Cousin Skeeter (1998), Happily Ever After: Fairy Tales for Every Child (1999) e Popular (1999).

A partir de 2000, as participações de Sandra Oh em séries televisivas começaram a ganhar relevo, aparecendo em produções de maior sucesso e com arcos a substituir uma maioria de participações de episódios únicos, como se pode ver pelas aparições em Further Tales of the City (2001), Six Feet Under (2001), Judging Amy (2001) e nas séries animadas The Proud Family (2001-2002), Odd Job Jack (2006), American Dragon: Jake Long (2006-2007) e Robot Chicken (2009).

E até hoje Sandra continua a participar em diversas séries de animação, nomeadamente American Dad! (2005-2013), Phineas and Ferb (2008-2012), Peg+Cat (2016) e She-Ra and The Princesses of Power (2018).

E ainda que não seja a série pela qual melhor conhecemos a atriz, Arli$$ foi uma das séries onde Oh participou durante mais tempo, especificamente entre 1996 e 2002.

Mas o papel que trouxe Oh até todas as nossas casas foi o de Dr.ª Cristina Yang na série de sucesso da ABC, Grey’s Anatomy, onde deu vida a esta icónica personagem entre 2005 e 2014.

Depois desta série, Oh participou em Shitty Boyfriends, em 2015, e American Crime, em 2017.

Mas a série mais recente onde podemos encontrar a atriz é o thriller Killing Eve, da BBC America, que foi renovado para uma 2ª temporada ainda antes da estreia. A série, que estreou a 8 de abril deste ano, foi a nossa sugestão do mês de julho e conquistou duas nomeações aos Emmys!

E para finalizar, agora que percorremos a carreira desta atriz, não podemos deixar de apontar alguns dos prémios que estes papéis já lhe trouxeram. Oh conta já com 36 nomeações e 19 prémios vencidos, sendo a primeira mulher de descendência asiática a ser nomeada aos Emmys.

Destes prémios, destacamos o Golden Globe de 2006 para Melhor Atriz Secundária em Série Televisiva pelo seu trabalho em Grey’s Anatomy.

Gostaram de conhecer um pouco melhor a vida e carreira de Sandra Oh? Então não se esqueçam que para a semana há mais!