Boa noite e bem-vindos a mais uma edição da nossa rubrica “Atores de Primeira à Segunda-Feira”. A nossa escolha de hoje é a britânica Jodie Comer, nascida a 11 de março de 1993, em Liverpool, e que em 2016 foi apontada como uma das estrelas de amanhã pelo BFI London Film Festival.

Jodie inicia a sua experiência na representação com aulas de teatro na St. Julie’s Catholic High School, que posteriormente lhe cria a oportunidade de participar numa peça na rádio. A carreira de atriz começa em 2008, quando recebe um papel de convidada para interpretar Leanne na série médica britânica The Royal Today, o spin-off de The Royal.

Dois anos depois, Jodie participa em episódios de duas séries, em Holby City interpreta Ellie Jenkins e em Waterloo Road é Sarah Evans, até que recebe um papel mais significativo, na minissérie policial Justice, interpretando Sharna Mulhearne.

Justice

Seguem-se vários papéis como convidada em séries britânicas: em Doctors interpreta Kelly Lowther; em Silent Witness é Eve Gilston; em Casualty é Maddy Eldon; em Law & Order: UK interpreta Jess Hays; em Vera tem o papel de Izzy Rawlins e e em Inspector George Gently é Justine Leyland.

Mais tarde, na comédia dramática My Mad Fat Diary, Jodie aparece durante três temporadas, no papel de Chloe Gemell. Passada nos anos 90, a série relata a história de Rae (Sharon Rooney), uma adolescente que se tenta suicidar e passa quatro meses num hospital psiquiátrico. Depois de regressar à sua rotina habitual, reencontra Chloe e o seu grupo de amigos, que desconhecem por completo o que lhe aconteceu. Chloe é uma adolescente mimada e egoísta, que está habituada a ter tudo o que quer, mas durante as temporadas vai aprendendo a ser uma pessoa mais simpática e humilde.

My Mad Fat Diary

Em 2014, Jodie é uma das protagonistas da minissérie de mistério Remember Me, no papel de Hannah Ward. A série de três partes conta a história de Tom Parfitt (Michael Palin) quando sai de sua casa para ir viver para um lar e onde começam a ocorrer eventos sinistros. Hannah é a assistente de Tom, que também acaba por se envolver no caso misterioso.

Remember-Me

Em 2015, Jodie participa em Lady Chatterley’s Lover, um telefilme da BBC One onde interpreta o papel de Ivy Bolton e contracena com Richard Madden e Holliday Grainger. Adicionalmente, também entra em Doctor Foster, ao interpretar Kate Parks durante duas temporadas. A série segue Gemma Foster (Suranne Jones), uma médica que suspeita que o marido (Bertie Carvel) está a ter um caso extraconjugal. Essas suspeitas tornam-se realidade quando é desvendado que o marido tem uma relação com Kate há dois anos e que esta está grávida.

Doctor Foster

Um ano depois, Jodie é a protagonista da minissérie Thirteen, que lhe valeu a nomeação de melhor atriz nos BAFTA Awards e Royal Television Sociaty Awards. A sua personagem, Ivy Moxam, é uma jovem que foi raptada aos 13 anos, conseguindo fugir e regressar para a sua família 13 anos depois. Com o raptor em fuga e depois de conseguir raptar outra criança, Ivy é interrogada pela polícia exaustivamente chegando a ser suspeita de cooperar com o criminoso.

Entre 2016 e 2017, Jodie interpreta Beryl Evan na minissérie Rillington Place, que relata a história do assassino em série John Christie e os seus crimes nos anos 40 e 50. Adicionalmente, protagoniza o filme England is Mine, como Christine. A história retrata a vida do músico Morrissey nos anos 70 antes de se tornar o vocalista dos The Smiths.

Jodie é a jovem Elizabeth de York na minissérie da STARZ, The White Princess, a sequela de The White Queen. Centrada na filha da Rainha Branca, a série segue o seu casamento com Henrique VII (Jacob Collins-Levy), unindo as famílias, Lancaster e York, e pondo um ponto final na Guerra das Rosas.

Este ano, tivemos o privilégio de ver Jodie como uma das protagonista em Killing Eve, contracenando com Sandra Oh (Grey’s Anatomy). Baseada nos livros de Luke Jennings, a série segue uma agente do MI5, aborrecida com o seu trabalho de secretária, até ao dia em que inicia numa busca obsessiva a uma assassina profissional. Jodie interpreta brilhantemente a assassina Villanelle, uma psicopata que tem um prazer enorme em matar pessoas e ver as suas vidas a desaparecer. O carisma de Jodie faz-nos torcer pela vilã e a química com Sandra Oh cola-nos ao ecrã durante os oito episódios. Já renovada para uma 2.ª temporada, a série tem regresso marcado para 2019.

Despedimo-nos da edição desta semana com uma foto de Jodie e alguns elementos do elenco durante as filmagens de Killing Eve.

Killing eve