Classificação

6.5
Interpretação
4
Argumento
6
Realização
4
Banda Sonora

Motherland é uma comédia familiar que estreou na BBC em novembro de 2017 e que chega agora aos Estados Unidos através do canal Sundance Now. Em território britânico, a estreia da 2.ª temporada está prevista para o final deste ano.

Esta sitcom conta as aventuras atribuladas na vida de Julia, uma mulher que tenta gerir as responsabilidades de ser mãe de uma miúda da primária, com a sua carreira e restantes responsabilidades adultas. Neste primeiro episódio, Julia sente-se pressionada pelas restantes mães da escola por ser a única a não organizar uma festa de anos para a filha em casa e, em vez disso, planear apenas uma ida a uma pizzaria. Assim, com a ajuda dos seus amigos Liz e Kevin, decide organizar uma festa de aniversário para a sua filha Ivy.

E como não poderia deixar de ser numa série de comédia, tudo o que podia correr mal naquela festa de anos corre ainda pior! O bolo que Julia tenta fazer de um minion começa a derreter; Ivy fica doente e não consegue sair do quarto para ir à sua própria festa; a animação, um demonstrador de animais, é racista e os únicos animais que tem para mostrar são gatos; e, por fim, Julia percebe que as mães das outras crianças vieram à festa com o único intuito de espreitar os pertences e a casa da família. Por isto mesmo, Julia ignora completamente o facto de Ivy estar doente e continua a festa, porque cancelar seria a destruição total da sua reputação perante as restantes “mães perfeitas”.

Motherland mostra as futilidades da mãe moderna de classe média, que está mais interessada nas relações e contactos que estabelece com as outras mães e em mostrar a sua superioridade do que no bem-estar das suas crianças. Mostra também o que as mães estão dispostas a fazer pelo estatuto social e a sua posição no grupo.

Tenho que admitir que em termos da comédia em si não me convenceu muito, apesar de ter adorado o sarcasmo e crueza que estão presentes durante todo o episódio. Caso este estilo seja a vossa praia, sugiro uma espreitadela.

Ana Oliveira