Na semana passada a crónica foi dedicada aos momentos das séries que deram cabo de mim e que basicamente é o mesmo que dizer que me fizeram chorar ou deprimir. Por isso mesmo, desta vez decidi fazer precisamente o oposto, apresentar alguns dos meus momentos cómicos favoritos do mundo das séries. Risos e gargalhadas não se obtêm apenas com comédias, por isso incluí também momentos engraçados de séries maioritariamente dramáticas.

[Podem ver os vídeos com as cenas através do link na descrição de cada uma.]

madeline_big-little-lies

Renata e Madeline falam ao telefone sobre a festa de Amabella – 01×03 – Big Little Lies: As caras que Madeline vai fazendo enquanto ouve Renata a esforçar-se para não lhe implorar que deixe Chloe ir à festa de Amabella são impagáveis, principalmente quando simula o gesto para vomitar, mas o momento alto é quando Renata se oferece para fazer com que a Branca de Neve se sente em cima da cara de Ed. Será que Renata pensou que isto era alguma espécie de oferta simpática impossível de recusar ou já estava a perder a paciência? Eu acho que ela estava apenas desesperada. Não é de estranhar. Quer dizer, eu adoro Madeline, mas ela consegue ser bem frustrante.

friends_brad-pitt

Rachel fica a saber do clube ‘I hate Rachel’ e que Ross fazia parte dele – 08×09 – Friends: Se há série repleta de momentos engraçados, essa série é Friends. No entanto, tive que escolher um e este faz-me realmente rir. A parte do clube de ódio por si só não é hilariante, mas acho que muitos de nós se identificam com a atitude ‘incendiária’ de Phoebe, que só quer saber os podres todos e ver Brad Pitt sem camisola. Amen to that, Phoebe! A cena atinge um nível épico quando ficamos a saber que foi espalhado um rumor sobre Rachel ter nascido com dois sexos e os pais terem escolhido criá-la como uma rapariga. Monica e Chandler ainda ajudaram à festa com alguns comentários certeiros e aquele olhar de Joey no fim e a sua vontade de ver provas quanto ao verdadeiro sexo de Rachel fizeram-me sentir verdadeiras saudades de Friends.

mark_teddy_greys-anatomy

Os attendings falam de Cristina/Os internos falam de Teddy ao almoço – 06×09 – Grey’s Anatomy: Os almoços na cafetaria sempre proporcionaram excelentes momentos de diversão em Grey’s Anatomy e este não é exceção. Primeiro, Mark mostra-se um péssimo bisbilhoteiro, tal como Callie lhe diz, depois assusta Teddy quase como se fosse grave Cristina não gostar dela, discutem o porquê de os attendings de cardio nunca durarem muito naquele hospital – sendo que Callie assume a responsabilidade no que diz respeito a Erica Hahn – e depois Teddy mostra uma certa indignação por ter sido ‘oferecida’ a Cristina por Owen como se fosse um presente. Depois a cena passa para os internos, com Cristina a ser Cristina e Alex a responder-lhe à letra. Cristina, claro, é inconveniente e nem se apercebe disso. Parece mais que estamos a assistir a um almoço entre adolescentes do liceu do que entre pessoas adultas. A magia é precisamente essa! Grey’s devia trazer de volta alguns momentos como este.

dunphy-kids_modern-family

Os miúdos Dunphy apanham os pais a fazerem sexo – 02×13 – Modern Family: É o pesadelo para qualquer miúdo deparar-se acidentalmente com os pais a fazerem sexo e este foi o dia de azar dos Dunphy. A inocência de Luke e Alex morreu aqui e é impagável vê-la a esfregar os olhos, como se pudesse apagar aquilo que acabou de ver. No entanto, o maior trauma talvez tenha sido para Haley. Quer dizer, ao contrário dos irmãos, ela já não é muito inocente e sabia certamente o que se estava a passar ali, mas vê-lo… Prémio para Luke quando diz que o que quer que os pais estejam a fazer, o pai parecia estar a ganhar. Seja como for, alguém devia pagar a terapia daqueles miúdos.

once-upon-a-time_regina_david_snow

David ensina Regina a dançar – 05×02 – Once Upon a Time: Nos maus velhos tempos, Regina criou maldições, perseguiu e matou pessoas, mas agora a ideia de ir a um baile assusta-a. No entanto, Regina nunca seria verdadeira a ela mesma sem mandar as suas piadas sarcásticas e Snow tem de ouvir que o pai esteve sempre mais interessado em dançar com a filha do que com a mulher e por isso nunca aprendeu. Depois é só vê-la trocar o fato por um vestido de princesa, mas não sem antes experimentar uma vestimenta tipicamente à Evil Queen. Pensar que Regina quis matar David e Snow no passado e que agora está a aprender a dançar com a ajuda deles também ajuda a tornar este momento em algo verdadeiramente delicioso.

brooke_haley_peyton_one-tree-hill

Brooke, Haley e Peyton discutem – 02×08 – One Tree Hill: Uma palavra: catfight. Esta cena é tão deliciosamente engraçada! As meninas principais do elenco – mais um quarto elemento, que não é relevante – estão numa festa do pijama que não vai acabar bem. Isto porque Haley não gosta que Brooke tenha feito sexo na sua cama (legítimo) ou que tenha comido os brownies todos (coisa que também não se faz). Depois é a vez de Brooke atirar acusações a Haley e Peyton envolve-se na discussão, embora eu aposte que se tenha arrependido muito rapidamente. Depois começam a insultar-se e as expressões de todas e o tom de voz que usam fazem desta uma cena muito divertida.

piper_alex_orange

Alex e Piper são levadas até Healy para serem repreendidas – 01×08 – Orange Is the New Black: Esta cena divertida começa enquanto Piper tenta tirar Alex de dentro da máquina, antes que se metam em sarilhos, e as duas se ‘picam’. Depois aparece Luschek a ser o idiota que é sempre, mas quando diz a Healy o que aconteceu, descrevendo que “a loira estava a gritar e a boazona estava presa lá dentro” não consegui conter o riso. A cara que Alex faz, visivelmente satisfeita com o elogio, também é impagável. Depois, toda a cena tem uma certa vibe de meninas da escola a serem repreendidas no gabinete do diretor da escola, mas as duas sabem que Healy é um homofóbico e não conseguem levar aquilo a sério. Alex é a minha heroína (sorry, Jessica Jones) quando diz “I’m more of a dishwasher kind of gal, sir”. Com idiotas como Healy, é difícil uma pessoa conter-se.

beverly_barry_erica_goldbergs

Barry e Erica esquecem-se que é Dia da Mãe – 03×22 – The Goldbergs: Bem, eu não sei até que ponto será suportável ter uma mãe tão sufocante como Beverly, mas a verdade é que ela é uma excelente mãe, se esquecermos esse defeito. No entanto, é certo que aqueles miúdos conseguem ser ingratos como tudo. Ingratos ao ponto de não se lembraram que é Dia da Mãe. Ingratos ao ponto de fazer exigências para o pequeno-almoço como preguiçosos que são. Depois são envergonhados pelo irmão mais novo, que teve a decência de se livrar do dia que era e de dar alguma atenção à mãe. Erica e Barry não gostaram, é claro, e aquela piada acerca de Adam finalmente namorar com a mãe foi no ponto. Mázinha, claro, mas teve piada.

amy_leonard_big-bang

Noite de Pictionary – 06×04 – The Big Bang Theory: Howard é um bocado creepy, mas Sheldon é injusto com ele. Qualquer pessoa consideraria Howard bem sucedido profissionalmente, mas Sheldon não. Aliás, Sheldon é um sabichão que sabe tudo, a não ser que se trate de sarcasmo. Isso ele nunca seria capaz de reconhecer. Se me perguntarem, também digo que lhe falta uma quanta modéstia! Assim sendo, esta noite de Pictionary não podia ter sido uma maior lição. A capacidade de Sheldon de adivinhar as coisas óbvias ou de fazer um desenho que alguém entenda é zero. É claro que ninguém se diverte mais com isto do que Penny (e eu). Nesta noite, Sheldon foi claramente o menos inteligente do grupo. Até um miúdo da escola primária teria conseguido sair-se melhor.

grace_karen_will-&-grace

Grace encontra Karen a limpar – 05×18 – Will & Grace: Karen é uma empregada tão má que o trabalho só fica feito quando ela não está. Grace já mencionou algo acerca disso, em tempos. Assim sendo, não poderia ser mais estranho (e assustador, diga-se!) para Grace encontrar Karen vestida como se fosse uma camareira e a tentar limpar qualquer coisa. Tentar é a palavra certa, porque Karen nem sequer consegue limpar uma mesa. Grace dá-lhe uns conselhos e acaba a cena com a boca cheia de rebuçados de menta. Geez, isto fez-me pensar que talvez devesse ver o revival de Will & Grace para matar saudades.

Diana Sampaio