Depois de já aqui ter havido uma crónica sobre o amor nas séries, a amizade não pode ser posta de parte. Falar em amizades em séries normalmente obrigaria a um longo texto sobre Friends ou até mesmo sobre How I Met Your Mother, mas esta lista foca-se em duos e não em dinâmicas de grupos.

[Apenas uma amizade por série]. Vejam aqui as minhas preferidas:

1. Brooke Davis e Haley Scott (One Tree Hill): A escolha do primeiro lugar é sempre o maior desafio numa lista como esta e não digo que não tive dúvidas. No entanto, tiveram mesmo de ser a minha B. Davis e a minha Hales. Desde que se tornaram próximas, estas duas meninas estiveram sempre lá uma para a outra de igual forma. Aquilo que começou com uma estranha amizade quase acidental entre a miúda mais popular da escola e a tutor girl tornou-se numa grande amizade. Confesso que este também é o primeiro lugar em honra à Haley da minha vida, que me apresentou One Tree Hill.

550w_ustv_one_tree_hill_0805_3

2. Callie Torres e Mark Sloan (Grey’s Anatomy): Primeiro, o desabafo: que saudades de ver estes dois juntos! Tantas mesmo! Estes dois armaram com cada uma! 😛 Começam por ser parceiros sexuais, depois a Callie faz o Mark perceber que ele valia mais do que apenas para sexo… Depois passaram a ser apenas amigos (sem sexo), foram o apoio um do outro e eram muito engraçados juntos! Ok, tornam a fazer sexo (assim surge a Sofia), mas depois voltam à parte de ser só amigos. Só quem vê Grey’s consegue perceber a dimensão e a importância da amizade destes dois. E nunca me irei esquecer do que o Mark disse a propósito da Callie quando estava a morrer: “sometimes you wish people would just see themselves the way you do” <3.

292066_349552668463757_1268727884_n

3. Seeley Booth e Temperance Brennan (Bones): Eu sei que eles agora são um casal e eu gosto muito de os ver juntos, mas eu sempre fui muito mais fascinada pela relação deles enquanto amigos do que como casal. O Booth ensinou a Brennan a ser mais humana, a Brennan tentou incutir algum senso de racionalidade no Booth. A forma como o Booth sempre conseguiu ser tão próximo da Brennan, apesar de serem tão diferentes, e a forma como se ‘complementam’ é o melhor da relação deles.

Brennan-Booth-bones-16624301-1280-800

 4. Maura Isles e Jane Rizzoli (Rizzoli & Isles): Sim, toda a gente faz ‘filmes’ à volta destas duas. Eu não quero que nada de sexual aconteça entre elas, nem acho que haja ali tensão, mas meti esta fotos delas na cama só para criar confusão 😛 Estas são outras duas que são o completo oposto uma da outra. A Jane é maria-rapaz e uma pessoa prática. Já a Maura adora roupas, sapatos e malas e é um génio. Não há como não adorar quando elas se metem uma com a outra, a relação que se formou entre a Maura e a família da Jane, como se a Maura fosse mais uma Rizzoli. E é sempre giro quando a Jane e a Maura se salvam uma à outra de um qualquer patife que decidiu aparecer.

Rizzoli-Isles-See-One-Do-One-Teach-One-Recorded-Jul-15-2010-TNTHD14-37-13

 5. Alex Vause e Nicky Nichols (Orange Is the New Black): Estas duas são as minhas personagens preferidas de OITNB, portanto quando se tornaram amigas foi uma grande felicidade para mim 😛 Espero que na próxima temporada possamos ver muitas mais cenas delas, têm muita piada juntas. E quem sabe, ver a Alex manter-se afastada da Piper e começar uma relação com a Nicky. Ia ser óptimo 😀

alex-and-nicky

 6. Monica Geller e Rachel Greene (Friends): É das primeiras séries de que me lembro, das primeiras de que gostei a valer. Phoebe, sorry excluir-te, mas… A Monica e a Rachel são um caso à parte 😛 O quanto eu me ri com as peripécias destas duas a dividir a casa, com a obsessão da Monica pelas limpezas e pela arrumação e a descontracção da Rachel em relação a isso. E Friends será sempre Friends, ‘aquela’ comédia <3

friends womance

 7. Nico Reilly e Wendy Healy (Lipstick Jungle): Se Friends foi das minhas primeiras séries, esta foi das minhas primeiras no meu percurso como viciada em séries. Ainda antes de me iniciar em Grey’s Anatomy, esta foi a série com que eu delirei. A sério, eu gostava mesmo disto! Tal como Sex and the City, esta série é baseada na obra de Candace Bushnell e se para muitos Sex and The City é tida como melhor, o meu carinho vai todo para Lipstick. Já foi há tantos anos, mas mesmo assim gosto o suficiente destas duas. Havia ainda uma terceira amiga, Victory, mas Nico e Wendy eram especiais. E como em qualquer amizade, tiveram os seus altos e baixos. Wendy, sabes muito bem do que estou a falar 😛

Lipstick Jungle

8. Jackie Curatola e Danny Reagan  (Blue Bloods):  Foi uma pena que Jennifer Esposito só tenha entrado nas duas primeiras temporadas da série, porque a Jackie e o Danny eram os parceiros perfeitos. Ele muito impulsivo, ela apesar de também ser um bocado ‘durona’ tinha a capacidade de o fazer pensar um bocado antes de agir. Tinham uma química tão boa e o companheirismo entre eles era mesmo engraçado, com eles sempre a meterem-se um com o outro. E sim, eles eram parceiros, mas não tinham uma relação amorosa nem havia pretensões a isso. Só amigos, bons amigos, mas apenas isso, contornando o cliché das séries.

danny-and-jackie-on-a-case

 9. Lily Aldrin e Robin Scherbatsky (How I Met Your Mother): Que duas cromas 😛 Agora que penso nisso, estas duas tiveram poucos momentos nesta última temporada e são tão engraçadas juntas. Não quero saber dos bros, eu gosto é destas duas e vou ter saudades da relação delas.

ustv-how-i-met-your-mother-cobie-smulders-alyson-hannigan

 10.  Violet Turner e Cooper Freedman (Private Practice): Quem não gostava de ter um amigo como Cooper? Eu não me importava 😀 Foi a amizade mais sólida de Private Practice e sem dúvida uma das mais interessantes. Se ao início Cooper era um bocado imaturo e lhe faziam falta os conselhos de Violet por isso, apesar de o personagem ter crescido muito, ela foi sempre uma grande ajuda como conselheira. E claro, Cooper foi um excelente apoio para ela na fase da depressão, da rejeição ao filho, em todos os momentos complicados.

PrivPAmyBrennemanPaulAdelstein

 Nota: Durante muito tempo, a Cristina e a Meredith de Grey’s Anatomy foram as best friends do meu coração, mas depois daquilo em que se tem tornado a relação delas nesta temporada, achei que não mereciam lugar nesta lista. Se nada disto tivesse acontecido, possivelmente ter-lhes-ia dado o primeiro lugar.

Diana Sampaio.